quarta-feira, 2 de Maio de 2012

ESBOÇO DE SERMÃO: COMO OBTER A VITÓRIA NAS PROVAÇÕES


Vitória nas Provações
Jó 1:6-22

Introdução
   1. O livro de Jó é a mais antiga literatura bíblica. É o primeiro da coleção de livros poéticos e é considerado uma das mais belas obras literárias produzidas na História.

    2.  O livro trata a questões importantes e difíceis:
    a)   Por que existe o sofrimento?
    b)   Por que os maus prosperam?
    c)   Por que os justos sofrem?
    d)   Por que Deus permite o mal e o sofrimento?

3.        Embora seja um dos livros mais apreciados das escrituras, há pessoas que não gostam dele. O pensador inglês Bertrand Russel escreveu: “Se Deus permite que o sofrimento atinja Suas criaturas, isso significa que Ele é Todo-poderoso e mau, ou então que Ele é bom, mas não Todo-poderoso.”


4.        Veremos, agora, que a história de Jó é uma demonstração do amor e do cuidado de que Deus tem por Seus filhos.

I.           O caráter de Jó
1.        Jó é descrito como um homem espiritualmente forte e moralmente íntegro. Sua vida foi abençoada por Deus com uma numerosa família e muitas riquezas (versos 1-3).

2.        O próprio Deus afirma a integridade de Jó (verso 8). Imagine um homem que o próprio Deus declara “íntegro, reto e temente a Deus”!

3.        Deus apresenta Jó como uma demonstração de que, apesar de viver no mundo em que Satanás habita, é possível ser fiel a Deus. Jó é uma prova em favor da graça e do poder de Deus. E é exatamente por isso que Satanás se propõe a derrota-lo. Fazê-lo amaldiçoar a Deus seria uma tremenda vitória de Satanás sobre Deus. Isso poria o caráter de Deus em questão perante o Universo inteligente. Deus aceitou o desafio porque Ele conhecia bem Seu servo.

II.          Jó é provado
1.        Jó sofreu dois testes. Nestes dois testes ele perdeu sua fortuna, sua família, sua saúde, seu lar e sua dignidade. Sua vida foi virada pelo avesso. Aquele que era o mais respeitado do oriente passou a viver num montão de lixo fora da cidade. Um exemplo de degradação e miséria.

2.        No céu, Satanás acusou Jó diante de Deus; na Terra, ele o atacou. E em cada cena houve uma reação positiva de Jó ao ataque. Ele resistiu e não blasfemou contra Deus.

3.        Em cada Ataque, Jó se tornou melhor do que antes.

4.        A reação de Jó ao sofrimento: ler versos 20-22.

III.        A Acusação de Satanás
1.        Satanás afirmou que Jó temia a Deus porque estava interessado na recompensa: era rico, tinha uma família bonita e tinha saúde.

2.        Antes de tudo, foi uma acusação contra Deus. Por isso Ele permitiu que Satanás o atacasse. Para a própria estabilidade do Universo inteligente, Deus teria que demonstrar Seu caráter e revelar a maldade de Satanás. Jó era a prova de Deus de que a graça é superior ao pecado.

3.        Veja que a questão não era apenas a sinceridade e os motivos de Jó. A grande questão foi levantada contra Deus. Em outras palavras, Satanás estava acusando a Deus de subornar Seus adoradores. Essa acusação colocou em jogo o caráter e a credibilidade de Deus perante todo o universo.

4.        Algumas pessoas costumam dizer que Deus não deveria ter aceitado o desafio de Satanás e permitir que Jó pagasse o preço pela disputa entre os dois. Mas se Deus tivesse deixado a interrogação levantada pelo diabo, não apenas a vida de Jó seria afetada, mas a de todas as criaturas do Universo.

5.        O que passa pela sua cabeça quando você está vivendo uma provação? Você se sente tentado a duvidar do cuidado e do amor de Deus por você? Ou se sente motivado a questionar o poder de Deus? Você precisa entender que o que está em jogo não é a sua vida, seus problemas e suas provações. O que está em jogo é o nome de Deus.

6.        Jó demonstrou que sua fidelidade a Deus não dependia das circunstâncias. Ele era fiel quando tinha tudo e foi fiel quando perdeu tudo.

7.        É fácil ser fiel a Deus quando os outros são provados. Dizemos: tenha fé. Mas é difícil quando chega a nossa vez.

8.        Vida com Deus é como o casamento: na saúde e na doença, nos bons e nos maus tempos... até que a morte os separe.

9.        Quando vierem as provações, mantenha sua fé. Não desista de Deus! Não entregue os pontos! É um teste! Não permita que Satanás zombe de Deus por sua causa.
10.     Por causa da firmeza e lealdade de Jó, o nome de Deus foi honrado mais uma vez perante todo o Universo. Satanás saiu derrotado e envergonhado. Na verdade, ele não mais foi mencionado em todo o restante do livro.

11.     Quando você achar que não vai mais suportar, lembre-se da promessa de Deus de que nenhuma tentação ou provação será maior do que as forças para suportar. Só mais um pouco. Não desista! Está difícil? Deus dará forças. Está insuportável? Deus dará resistência.

12.     Você está cansado de nadar contra a correnteza? Não desista! Talvez esteja faltando só mais duas ou três braçadas. Não morra na praia. Só mais um pouco! Honre também a Deus sendo fiel e leal sob qualquer situação.

Conclusão
1.        Crise no casamento – não desista! Se vocês chegaram ao fundo do poço, significa que só há um caminho pela frente: a restauração.

2.        Crise no relacionamento com um filho – não desista! Tente uma vez mais.

3.        Crise na vida espiritual – tudo o que o diabo quer é que você desista. Mas não entregue os pontos. Deus o ajudará em sua restauração.

4.        Apelo: Sofra as suas provas com coragem e bravura! Perca tudo na vida, se for preciso, mas não perca sua vida com Deus. Não desista do Céu! Não desista de Jesus!
             Autor Pr. Ranieri Sales. Oferecido Depto Comunicações da UCB

              Luís Carlos Fonseca

Sem comentários:

Enviar um comentário